Adentro Datacenter Solutions

X

Na China, o maior mercado mundial de smartphones, com mais de 800 milhões de usuários, um tipo singular de fazenda está nascendo nas áreas urbanas.

Os únicos “cultivos” lá são smartphones.

As operações, conhecidas como click farms, podem abrigar centenas ou milhares de telefones iPhones e Android nas prateleiras. Eles estão conectados e programados para pesquisar, clicar e baixar um determinado aplicativo repetidamente. O objetivo é manipular o sistema de classificações de lojas de aplicativos e os resultados da pesquisa.

Já parou para pensar que aquela avaliação que te influencia na hora da compra pode ter sido “cultivada” artificialmente?

“O negócio de visualizações falsas é tão difundido”, informou o South China Morning Post em 2018, “que a mídia estatal chinesa CCTV relatou que 90% das visualizações geradas por muitos programas populares em sites de vídeo são falsas”.

Os desenvolvedores de aplicativos compram o serviço para aumentar a visibilidade de seus produtos, em um esforço para conquistar uma fatia maior do mercado de publicidade online de US$ 50 bilhões na China.

 

Como as fazendas de clique funcionam?

Na economia digital impulsionada pelo tráfego e obcecada por métricas, o uso de fazendas de cliques está expandindo para além da promoção de aplicativos. As pessoas utilizam isso para aumentar as visualizações de postagens, atrair anunciantes, aumentar as visualizações de vídeos e reproduzir os resultados da pesquisa em plataformas de comércio eletrônico, por exemplo.

Os farms de cliques usam hacks de um processo automatizado na prática regular do App Store Optimization (ASO) – que exige que os desenvolvedores usem determinadas palavras-chave nas descrições e atraiam usuários por se tratar de um produto útil – e são programados para promover aplicativos imitando um usuário real com determinadas palavras-chave, clicando no aplicativo, baixando e até mesmo escrevendo críticas positivas.

Configurar um farm de cliques requer investimentos em hardware e software. A compra de centenas de iPhones, em sua maioria de segunda mão, não é barata. O empreendimento também usa servidores e softwares que podem invadir o sistema de armazenamento de aplicativos. Outro grande custo é comprar IDs Apple de alta qualidade, já que eles recebem mais peso pelos algoritmos do que uma conta recém criada.

Fazendas de cliques são consideradas ilegais na China e sempre correram o risco de serem detectadas e bloqueadas por lojas de aplicativos como a Apple. No entanto, clusters de fazendas de cliques foram vistos em torno de Shenzhen, a região metropolitana do sul da China conhecida como um centro de eletrônica.

 

Fazendas de cliques são eficazes – especialmente quando há crowdsourcing

Para operadores de farm de cliques, há uma batalha constante com o algoritmo em evolução da Apple. Em um anúncio online, um operador de farm de cliques afirmou ter atualizado seu programa depois que a Apple derrubou esses comportamentos e deu mais peso aos downloads reais em 2016.


Amostra de uma fazenda de cliques.

E assim, a agricultura de cliques evoluiu e começou a envolver crowdsourcing humano: em média, é pago um dólar (US$ 1) para cada vídeo de 30 segundos assistido.

Nos aplicativos de mensagens predominantes da China, WeChat e QQ, as pessoas reunidas em bate-papos de grupo reivindicam sua tarefa para fazer o download e analisar um aplicativo e receber o pagamento. Geralmente, o custo é maior do que o dos farms de cliques, mas ele se parece mais com o tráfego orgânico e existe menor probabilidade de ser bloqueado pelas lojas de aplicativos.

Apesar dos riscos, a compra de serviços da Click Farm ainda é vista como uma maneira eficaz e relativamente econômica de promover um aplicativo em um curto período de tempo. Os aplicativos de jogos, por exemplo, são os principais clientes dos farms de cliques, porque os usuários têm maior probabilidade de atingir os melhores níveis e experimentar novos jogos. Alguns aplicativos pagos também podem gerar mais dinheiro para atrair mais downloads.

O fator humano traz ainda mais implicações éticas e legais de como barrar essa prática, visto que seria necessário regular como uma pessoa poderia ou não vender o seu tempo. Consequentemente, os farms de cliques são agora uma parte substancial e sombria da Internet que, ao que tudo indica, veio para ficar. 

 

Traduzido e adaptado de Yahoo! Finance. HU, Krystal. Disponível em: <https://finance.yahoo.com/news/click-farms-internet-china-154440209.html?utm_source=The+Hack&utm_campaign=63b84769f6-THE_HACK_0145&utm_medium=email&utm_term=0_060634743e-63b84769f6-206979693>. Acesso em: 30 de Julho de 2019.

deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


           Associado Abrahosting

Contatos

Métodos de pagamento

               Cartões de crédito