Adentro Datacenter Solutions

X

Fawaz Al-Nouri, Gerente Geral de Programas de Aceleração de Transformação, EMEA, na SAP, discute sobre as melhores maneiras de obter sucesso na transformação digital.

A necessidade de transformação digital é bem compreendida – e entendida facilmente; as empresas precisam encontrar novas maneiras de agregar valor, gerar receita e melhorar a eficiência. O que é mais obscuro é de fato realizar a transformação – que soluções colocar em prática, como adaptá-las a um setor específico e como medir e obter sucesso ao fazer essa mudança.

Os programas de transformação de aceleração (TAP) da empresa multinacional de software corporativo SAP oferecem aos clientes a experiência necessária para obter uma transformação bem-sucedida do gerenciamento de gastos, como explica Fawaz Al-Nouri, gerente geral da TAP na Europa, Oriente Médio e África.

“O objetivo da SAP sempre foi ajudar o mundo a funcionar melhor e melhorar a vida das pessoas. Para apoiar esse objetivo, a TAP foi criada para ajudar as empresas a definir seu roteiro de transformação e como passar dos atuais sistemas desatualizados – onde eles não estão obtendo o máximo de valor possível – para novas tecnologias que beneficiam e melhoram a maneira como fazem negócios. e, por sua vez, alcançam sua visão para melhor atender seus clientes finais”.

 

O funcionamento do TAP

O processo TAP começa com a coleta de um entendimento da configuração existente do cliente. “Nosso grupo de especialistas em implantação aplicará um modelo de compromisso comprovado para acelerar e melhorar o sucesso da transformação do gerenciamento de gastos. Fornecemos experiência em software, indústria e processos, ao mesmo tempo em que defendemos um modelo operacional focado em valor e resultados comerciais excepcionais. Adotamos uma abordagem de design thinking, através do qual estudamos onde nossos clientes estão hoje, mas, ao mesmo tempo, também tentamos entender onde eles querem estar e as barreiras que os impedem de chegar lá”. É somente após este exercício concluído que possíveis soluções são apresentadas e discutidas. “Com base na análise da TAP, recomendamos a tecnologia certa e decidimos o que faz sentido para os nossos clientes. Durante todo o engajamento, estamos pensando em resolver os problemas e fazê-los funcionar melhor”.

As soluções e os recursos que a SAP oferece estão centrados em seu sistema de ERP (digital core enterprise resource planning), S/4HANA. Intensamente conectados a esse núcleo digital estão os recursos de ramificação para gerenciamento e experiência do relacionamento com o cliente, gerenciamento de redes e gastos, cadeia de suprimentos digital, recursos humanos e gerenciamento de pessoas e muito mais. “A SAP fornece soluções completas que cobrem a maioria das necessidades de nossos clientes”, diz Al-Nouri. “O importante é priorizar e planejar quando implementar o quê. E, por fim, unir todas essas peças para que o cliente possa administrar seus negócios sem problemas”.

 

O cenário da Nuvem

Vale ressaltar que, embora o núcleo digital S/4HANA esteja disponível nas edições local e na nuvem, a maioria dos recursos de ramificação, como gerenciamento de gastos, está na nuvem, e Al-Nouri acredita muito no trabalho na nuvem.

“Quando comecei a implementar software, a SAP era conhecida como empresa de ERP; fornecemos soluções do início ao fim on-premise. Naquela época, eu estava um pouco cético em relação à nuvem. Costumava pensar que grandes empresas com infraestrutura de TI complexa não seriam capazes de adotar essa modalidade. Então, em 2010, a SAP adotou a nuvem para oferecer aos clientes uma escolha de como eles consomem o software da SAP. Foi quando comecei a trabalhar com muitos clientes que estavam embarcando na jornada para a nuvem, vendo em primeira mão que isso é possível e todos os benefícios que acompanham o processo. Foi então que eu mesmo fui transformado”.

 

Por que usar SAP na nuvem?

Nesse sentido, Al-Nouri cita três razões pelas quais a transformação de gerenciamento na nuvem vale a pena.

“Embora sempre analisemos o espectro mais amplo, somos grandes defensores da tecnologia em nuvem. Principalmente por causa do retorno do investimento. Em vez de executar processos de TI dentro de suas quatro paredes, colocá-los na nuvem liberará você do gerenciamento por conta própria. Os custos reduzidos de manutenção, infraestrutura e suporte resultam em um custo total significativamente menor. Em segundo lugar, a conexão com o mundo exterior. A nuvem fornece acesso à rede comercial necessária para obter um alto nível de colaboração com outras empresas e organizações, onde as companhias se conectam, se comunicam e colaboram para redefinir como o trabalho é realizado”.

“Quando você se conecta à rede comercial, obtém acesso instantâneo a milhões de clientes, fornecedores e soluções em potencial. Isso trará valor para todas as partes interessadas; reduza os custos de processamento, elimine erros e acelere as transações. É como comparar envio de e-mails com o Facebook, compartilhar cartões de visita com conexões no LinkedIn e cartões postais com o SnapChat. Em terceiro lugar, a tecnologia digital significa que você não precisa investir muito dinheiro e tempo para criar a tecnologia de que precisa internamente, ao invés de ter acesso a ela imediatamente através da nuvem. A inteligência artificial, a Internet das coisas e muitas outras inovações estarão ao seu alcance quando você se mudar para a nuvem”.

 

O peso da cultura

No entanto, essas transformações não podem ser alcançadas apenas através da tecnologia. A cultura deve sempre ser considerada, como explica Al-Nouri. “É importante entender a cultura do cliente, porque cada cliente é diferente. O que encontramos na transformação da nuvem é que é fundamental fazer a transição para uma mentalidade da nuvem, deixando de lado as personalizações no local para processos padrão na nuvem. Portanto, o gerenciamento de mudanças para facilitar essa transição é um aspecto imenso que deve ser levado em consideração. “Como essas abordagens podem levar à interrupção, é, portanto, vital que as organizações mantenham o controle da comunicação”. Muitas transformações dependem do gerenciamento de mudanças e de como você as comunica, não apenas para seus stakeholders internos, mas também para o mundo externo, para que todos saibam o que vai acontecer e todos estejam à bordo de um novo rumo”.

No decurso das suas avaliações, a TAP encontra diferentes razões para iniciar uma transformação. Algumas empresas podem se inspirar na necessidade de modernização, enquanto outras podem ser mais existenciais. “Na era digital, todas as empresas estão sob pressão para alcançar a transformação digital, simplesmente por causa de todas as tecnologias que temos ao nosso redor. Essas tecnologias estão conectando pessoas, a Internet e o mundo físico como nunca antes. Quando tudo está conectado, os negócios, como sempre, tornam-se coisa do passado e a transformação de muitas indústrias precisa acelerar”. Diz Al-Nouri.

“Mas algumas indústrias estão sob mais pressão do que outras. Embora a mudança de passo na produtividade e a inovação incremental de processos possam ser apropriadas para alguns setores como mineração, petróleo/gás e produtos químicos, outros setores como mídia, bancos e varejo estão sob intensa pressão para inovar seu modelo de negócios e melhorar a experiência do cliente agora mesmo”.

 

Despesas e crescimento

Seja um processo passo a passo ou uma mudança acelerada, Al-Nouri vê as compras como um elemento central na transformação digital. “À medida que os negócios crescem, há mais gastos, em mais canais, do que nunca. Isso requer melhor controle, velocidade e sustentabilidade”. Para poder gerenciar essas mudanças, é necessária uma plataforma de compras sólida, adaptável e escalável.

“Chamamos isso de gerenciamento inteligente de gastos, porque abrange todas as áreas necessárias para que a transformação de compras seja bem-sucedida. A transparência total sobre o que e como você está gastando é fundamental – e é melhor alcançada adotando um sistema de fonte para pagamento transparente. Esse sistema precisa estar conectado de maneira inteligente com seus parceiros comerciais, para que você e seus fornecedores estejam sempre atualizados, e você pode aplicar políticas de conformidade a todas as transações. Somente então você poderá aproveitar tecnologias avançadas como inteligência artificial, aprendizado de máquina e processamento de linguagem natural para otimizar e automatizar ainda mais o sistema”.

 

E o futuro das empresas

Portanto, olhando para 2020 e além, entendendo quantas empresas precisam iniciar uma transformação, a escalabilidade se torna muito importante para a TAP. “Vemos muita demanda e queremos ajudar o maior número possível de clientes a se transformar melhor e mais rapidamente. Estamos abordando isso desenvolvendo ferramentas que podem otimizar o processo de transformação, de utilitários de análise de sistemas legados a aceleradores de migração de dados.

Também estamos trabalhando em estreita colaboração com nosso ecossistema. Nossos parceiros de tecnologia fornecem extensões de soluções que complementam nosso portfólio, como a mineração de processos da Celonis para apoiar a transformação do processo do começo ao fim e o gerenciamento de assinaturas da DocuSign para eliminar etapas manuais. Nossos parceiros de integração de sistemas apoiam nossas equipes, fornecendo seus recursos especializados para implementação, integração e gerenciamento de mudanças. Grandes empresas de consultoria como Deloitte, IBM ou EY podem, por um lado, examinar os programas de transformação abrangentes e a melhoria de processos. Por outro lado, enquanto isso, os especialistas em nichos de compras, como apsolut ou ExceleratedS2P, podem se concentrar nos aspectos de design funcional e integração técnica”.

 

Traduzido e adaptado de Gigabit Magazine. TAP into the cloud with SAP intelligent spend management. SMITH, William. Disponível em: <https://www.gigabitmagazine.com/company/tap-cloud-sap-intelligent-spend-management#>. Acesso em 27 nov. 2019.

(Procurando backup em cloud? Clique aqui!)

Veja mais artigos sobre SAP – “Três razões para CIOs utilizarem SAP“.

deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


           Associado Abrahosting

Contatos

Métodos de pagamento

               Cartões de crédito